No prelo há quase 50 anos...

O amor, poeta, é como cana azeda, A toda boca que não prova engana. (Augusto dos Anjos)

Textos

"A arte é longa, a vida é breve." Hipócrates

A arte de viver a arte

Aos cem anos de vida, um ancião
pensava viver mais, fosse um só dia.
Aos cento e um, pensava se podia
viver sem o auxílio da visão.

Aos cento e dois, o mesmo ancião,
que já estava um tanto mal de vista,
encontrou, pela rua, um velho artista
que há muito já perdera a visão.

Implora o ancião, ao velho artista,
se ele poderia dar a pista
para viver no escuro da retina.

De pronto, o artista de rua o responde:
suba, sem hesitar, naquele bonde
pintado na parede da esquina.
Herculano Alencar
Enviado por Herculano Alencar em 29/07/2017
Alterado em 29/07/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras