No prelo há quase 50 anos...

O amor, poeta, é como cana azeda, A toda boca que não prova engana. (Augusto dos Anjos)

Contato
Nome:
E-mail:
Assunto:
 
Mensagem:
 
Confirme o código ao lado:

Site do Escritor criado por Recanto das Letras