No prelo há mais de 50 anos...

O amor, poeta, é como cana azeda, A toda boca que não prova engana. (Augusto dos Anjos)

Textos

Amor

Amor, que é amor, que é verdade,
não pede, não olvida, não espera...
É como uma flor, na primavera,
em busca de calor e umidade.

Amor, que é amor, não tem idade,
não morre, não desmancha, não perece...
É como um verso solto numa prece
que faz da poesia a eternidade.

Amor, que é amor, que é de fato,
é como o riso preso num retrato
que congelou o tempo em um segundo.

Amor, que é amor é tão somente,
a semente do bem há na gente,
da qual há de brotar um novo mundo.
Herculano Alencar
Enviado por Herculano Alencar em 12/08/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras