No prelo há mais de 50 anos...

O amor, poeta, é como cana azeda, A toda boca que não prova engana. (Augusto dos Anjos)

Áudios
Título Categoria Data Audições
Jornal (sátira) Poesias Recitadas 10/07/20 9
Sonho de cachaça (humor boêmio) Poesias Recitadas 10/07/20 17
Teopsia Poesias Recitadas 10/07/20 2
Impasse Poesias Recitadas 10/07/20 8
A santa hipocrisia Poesias Recitadas 10/07/20 9
Sinal fechado (mais uma sátira ao mundo moderno) Poesias Recitadas 10/07/20 14
Caixa dois celestial (sátira) Poesias Recitadas 10/07/20 7
Blasfematório Poesias Recitadas 10/07/20 9
Um morrer gramatical (sátira) Poesias Recitadas 10/07/20 11
Consciência da morte (menção à verve de Augusto do Poesias Recitadas 10/07/20 1
Projeto literário Poesias Recitadas 10/07/20 6
Antes só (Humor) Poesias Recitadas 09/07/20 17
Psicomancia (metáfora satírica) Poesias Recitadas 08/07/20 9
Desnexo Poesias Recitadas 05/07/20 5
Pessimista Poesias Recitadas 05/07/20 2
Cachaça fêmea Poesias Recitadas 05/07/20 7
Crepúsculo de um onanista (humor) Poesias Recitadas 05/07/20 9
A vizinha ao lado (humor) Poesias Recitadas 05/07/20 6
Um porre de saudade Poesias Recitadas 05/07/20 7
Do Tietê ao Potí (saudade) Poesias Recitadas 05/07/20 3
Página 5 de 18 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]
Site do Escritor criado por Recanto das Letras