No prelo há mais de 50 anos...

O amor, poeta, é como cana azeda, A toda boca que não prova engana. (Augusto dos Anjos)

Textos
Acrósticos (1) Artigos (4) Contos (2)
Cordel (35) Frases (24) Haikais (3)
Humor (6) Mensagens (4) Natal (10)
Pensamentos (25) Poesias (660) Sonetos (1080)
Textos Eróticos (2)
Título Categoria Data Leituras
Passagem com Zé Limeira Poesias › Redondilha 29/12/20 3
Uma viagem na paixão Sonetos 26/12/20 24
Carta aberta ao Papai Noel Natal › Poesias 23/12/20 16
Vão pensamento Poesias › Pensamentos 21/12/20 13
Amor presente Poesias › Pensamentos 21/12/20 10
Vã Filosofia Poesias › Reflexão 17/12/20 18
Um passo à frente Poesias › Pensamentos 17/12/20 9
"Cegueira da Razão" Poesias › Pensamentos 16/12/20 16
Estranha canção de ninar Poesias › Tristeza 16/12/20 10
Silos do Parnaso (reedição da oficina poética) Poesias › Reflexão 15/12/20 6
Você Poesias › Pensamentos 13/12/20 16
Dezembro Poesias › Reflexão 09/12/20 13
Saudade... Poesias › Saudade 27/11/20 15
Agrura cristã Poesias › Pensamentos 25/11/20 10
EM TEMPOS DE TREVA E DOR, O AMOR É A CURA DO MAL Cordel 25/11/20 32
Ironia Poesias › Pensamentos 24/11/20 13
TUDO NESTE MUNDO TEM A SUA RAZÃO DE SER Poesias › Redondilha 24/11/20 7
Poder da natureza Poesias › Redondilha 24/11/20 7
Antropologia da boçalidade Poesias › Redondilha 22/11/20 20
Lágrima poética Poesias › Amor 12/11/20 21
Página 8 de 93 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]
Site do Escritor criado por Recanto das Letras